Pacientes com Artrite Reumatoide Precoce têm oportunidade para tratamento experimental com medicamento em estudos clínicos

0
950

Curitiba, Juiz de Fora, Varginha, Santo André, São Paulo e Porto Alegre recebe voluntários com artrite reumatoide precoce e sem tratamento medicamentoso prévio para participar de tratamento experimental

Centros de pesquisas selecionam pacientes com artrite reumatoide precoce, sem tratamento prévio com qualquer medicamento convencional ou biológico para receber tratamento experimental com medicamento Abatacepte subcutâneo combinado com metotrexato em comparação com metotrexato em monoterapia.

A companhia farmacêutica “Bristol-M yers Squibb, está realizando um estudo clínico com pacientes de “Artrite Reumatoide Precoce” em 36 países, o Brasil recebe esse estudo em 06 cidades brasileiras.

A oportunidade para participar deste tratamento experimental está aberta nas cidades de Curitiba, Juiz de Fora, Varginha, Santo André, São Paulo e Porto Alegre, onde centros de pesquisas selecionam pacientes voluntários, com os seguintes critérios de inclusão e exclusão:


Critérios de Inclusão:

  • Pacientes com diagnóstico de Artrite Reumatoide em um período menor que 6 meses;
  • Homens e Mulher com idade igual ou superior a 18 anos;
  • Pacientes com provas de atividade inflamatória: “PCR” (Proteína C Reativa maior que 3 mg/L ou “VHS” Velocidade de Hemossedimentação maior que 28 mm/h;
  • Pacientes com “Artrite Reumatoide Precoce”: com ao menos 3 articulações sensíveis ao toque e 3 articulações inchadas;
  • Pacientes com “Artrite Reumatoide Precoce”: com Anti-CCP positivo(anticorpos antiproteína citrulinada) –Pacientes com “Artrite Reumatoide Precoce”: com Anti-CCP positivo (anticorpos antiproteína citrulinada) – confirmado durante a triagem do estudo (caso não tenha o Anti-CCP, ele será realizado durante a triagem);

Critérios de Exclusão:

  • Risco de tuberculose;
  • Infecção aguda;
  • Infecção bacteriana ou recorrente ou infecção viral latente;
  • Histórico de câncer nos últimos 5 anos;
  • Tratamento prévio com qualquer droga convencional ou biológico DMARDS (exemplo:  metotrexato, leflunomida, infliximabe, adalimumabe, etanercepte).

Pacientes com “Artrite Reumatoide Precoce” que preencham os critérios de inclusão, podem se inscrever através do formulário eletrônico abaixo, os dados deste formulário serão enviados para o Centro de Pesquisa escolhido.

Link para Inscriçõeshttp://goo.gl/forms/FUguGkZLkb48OKr02 (ou preencha o formulário abaixo).

Centros de Pesquisas que estão selecionando voluntários:

Cidade: Curitiba -PR
Instituição: CETI-Centro de Estudos em Terapias Inovadoras
Pesquisador Responsável: Sebastião Cezar Radominski
Contato: Bernadete Gorski e Agnes Bunick
Tel: 41-3022-3482
Email: dete30@superig.com.br


Cidade: Porto Alegre – RS
Instituição: Reumacenter – LMK – Serviços Médicos SS Ltda
Pesquisador Responsável: Mauro Waldemar Keiserman
Contato:Heidi Medina
Tel: (51) 3320-5057 ou (51) 3061-3440
Email: reumatopesquisa@gmail.com
Website: www.reumacenter.com.br ou www.reumacenter.med.com.br


Cidade: São Paulo – SP
Instituição: CPCLIN – Centro de Pesquisa LTDA
Pesquisador Responsável: Flora Maria D’Andrea Marcolino
Contato:Ana Paula Cavalcante
Tel: (11) 2711-0273
Email: cadastro@cpclin.com.br
Site: www.cpclin.com.br


Cidade: São Paulo-SP
Instituição: Faculdade de Medicina do ABC- CEPES
Pesquisador Responsável: Sonia Loduca
Contato:Bruno Rosa
Tel: (11) 4993-5459
Email: bruno.rosa@fmabc.br
Website: www.fmabc.br


Cidade: São Paulo-SP
Instituição: CEPIC “Centro Paulista de Investigação Clínica”
Pesquisador Responsável: Cristiano Augusto de Freitas Zerbini
Contato:Andrea Mitsuhashi
Tel: (11) 2271-3452
E-mail: vinicius.finardi@cepic.com.br
Website: cepic.com.br


Cidade: São Paulo -SP
Instituição: Associação de Assistência à Criança Deficiente AACD Lar Escola
Pesquisador Responsável: Dr. Morton Aaron Scheinberg
Contato:Aline Pinheiro ou Roberta Nunes
Tel: (11) 5904-8078
Email: ronunes@aacd.org.br
Website:www.aacd.org.br/


Cidade: Juiz de Fora-MG
Instituição: Centro Mineiro de Pesquisa-CMIP
Pesquisador Responsável: Antônio S.Scafuto
Contato:Alexandre Dias
Tel: (32) 3312-8920
Email: contato@reumatocentercmip.com.br
Website: www.reumatocentercmip.com.br


Cidade: Varginha-MG
Instituição: Centro Médico Varginha-Unidade de Pesquisa
Pesquisador Responsável: Adrian Bueno
Contato:Alexandre Dias
Tel: (35) 3212-4886
Email: carolynemendes@centromedicovarginha
Website: centromedicovarginha.com.br


Inscreva-se para receber informações por telefone, diretamente do centro de pesquisa de sua preferência:


Pesquisa com pacientes diagnosticados com “Artrite Reumatoide Precoce”, está registrada com o nome “IM101-550″ e segue as normas de regulatórias para o paciente voluntária vigente em nosso país, garantindo que os estudos sejam desenvolvidos com princípios éticos e seguros para o paciente.

Dados Técnicos do Estudo “IM101-550 – Artrite Reumatoide Precoce”

  • Título: Estudo fase 3B Randomizado, Duplo Cego para Avaliar a Eficácia e Segurança de Abatacepte SC em Combinação com Metotrexato em Comparação a Monoterapia com Metotrexato para Atingir a Remissão Clínica em Adultos com Artrite Reumatóide Precoce que nunca fizeram uso de Metotrexato.
    Inclusão de pacientes: Aberto
    Acrômio público: IM101-55
    Identificadores secundário:NCT02504268
    Órgão emissor: ClinicalTrial.gov
    IM101-550 – Órgão emissorBristol-M yers Squibb 46708515.0.1001.5328
    Órgão emissor: Plataforma Brasil – CONEP
    Condição de saúde: Artrite Reumatóide precoce.
    País de recrutamento:
    Inglaterra,França,Austria,Romênia,Bélgica,Finlândia,Espanha,República Tcheca,Suécia,Israel,Arábia Saudita,Emirados Árabes,Polônia,Itália,África do Sul, Holanda, Hungria, Rússia, Alemanha, Canadá, México, Estados Unidos,Chile, Colômbia, Peru, Argentina, Singapura, Taiwan, República da Coréia, Austrália e Japão.
    Fonte: http://bristol.com.br/PD/pesquisa_clinica/estudos_clinicos/disturbios_imunologicos/estudo_IM101-550.aspx

Sou Blogueira, motivada pelo diagnóstico da Artrite Reumatoide aos 26 anos, como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser minha companheira. Troquei o cuidar assistencial pelo cuidar informacional e escrevi o Blog Artrite Reumatoide, para compartilhar a minha dor, aprendi então, que Dor Compartilhada é Dor Diminuída. Hoje sou “Patient Advocacy”, social media, graduanda do curso de jornalismo na FiamFaam, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde e uma eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta