Caminhada de esclarecimento e combate à dor crônica será realizada no próximo sábado

0
706

A Caminhada Pare a Dor em Natal continua atraindo caminhantes, principalmente no inverno, estação do ano na qual as dores aumentam ainda mais. A cidade receberá o programa em 17 de setembro, às 16 horas, no Bosque dos Namorados (Parque das Dunas). A atividade é acompanhada por profissionais de saúde, que orientam os participantes e aplicam o aquecimento com alongamentos no início e no fim da caminhada.

Estima-se que cerca de 60 milhões de pessoas sofram com problemas de dor crônica (mal que persiste ou recorre por mais de três meses) no País. Os especialistas afirmam que sentir dor não é normal e tem tratamento. Existem muitas maneiras de atenuar seus efeitos e uma delas é a prática de algum tipo de exercício físico, como a caminhada.

“A atividade física auxilia a melhora da dor, do humor e da qualidade de vida”, afirma o médico especialista em dor, Dr. Levi Higino Jales Junior, responsável pela caminhada na cidade. O profissional reforça, no entanto, que é imprescindível que esses exercícios sejam orientados por um profissional qualificado. “Procurar o médico o quanto antes pode ser decisivo para definir e cuidar do quadro clínico”, diz, reiterando que médicos e pacientes devem trabalhar juntos no combate a dor.

Para integrar a ação, basta comparecer ao local, preencher a ficha de inscrição e retirar a camiseta da campanha que deve ser usada durante o percurso e a cada edição do evento.

A caminhada existe desde 2009 e tem edições nos estados de São Paulo, Santa Catarina, Paraná, Pará e Rio Grande do Norte.

Fonte: Portal no AR

Sou Blogueira, motivada pelo diagnóstico da Artrite Reumatoide aos 26 anos, como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser minha companheira. Troquei o cuidar assistencial pelo cuidar informacional e escrevi o Blog Artrite Reumatoide, para compartilhar a minha dor, aprendi então, que Dor Compartilhada é Dor Diminuída.
Hoje sou “Patient Advocacy”, social media, graduanda do curso de jornalismo na FiamFaam, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde e uma eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

COMPARTILHE
Artigo anteriorDor pélvica: conheça as causas e como tratar
Próximo artigoO que é dor crônica ou persistente?

Sou Blogueira, motivada pelo diagnóstico da Artrite Reumatoide aos 26 anos, como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser minha companheira. Troquei o cuidar assistencial pelo cuidar informacional e escrevi o Blog Artrite Reumatoide, para compartilhar a minha dor, aprendi então, que Dor Compartilhada é Dor Diminuída.
Hoje sou “Patient Advocacy”, social media, graduanda do curso de jornalismo na FiamFaam, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde e uma eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta