Relação Médico x Paciente

0
294

“Relacionamento Médico Paciente” foi a pauta da primeira reunião de ajuda mútua e palestra sócio-educativa do Grupo EncontrAR.

O bom relacionamento médico paciente, representa a harmonia nas tomadas de decisões, a confiança mútua, o respeito e a confiança plena, o que proporciona melhor qualidade de vida e maior aceitação ao tratamento médico proposto.

E quanto o relacionamento com o médico, não é legal? simples, assim, converse tente melhorar a comunicação e se ainda assim não der certo, talvez seja o momento de trocar de médico. Pois, não existe médicos bons ou ruins, o médico que não é bom pra mim, pode ser bom para você, por isso, nada de falar mal de médicos ou serviços médicos, se o atendimento e a relação com a equipe profissional não está lhe agradando, troque de médico, as vezes é preciso mudar para melhorar.

Presença de aproximadamente 26 pessoas, a reunião aconteceu no último dia 09/03 na Câmara Municipal de Vereadores de SP. Agradecemos o apoio de nossos apoiadores Roche e Sanofi, e ao Vereador Marco Aurélio Cunha que viabilizou o acesso a sala para nosso evento.

Sou Blogueira, motivada pelo diagnóstico da Artrite Reumatoide aos 26 anos, como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser minha companheira. Troquei o cuidar assistencial pelo cuidar informacional e escrevi o Blog Artrite Reumatoide, para compartilhar a minha dor, aprendi então, que Dor Compartilhada é Dor Diminuída. Hoje sou “Patient Advocacy”, social media, graduanda do curso de jornalismo na FiamFaam, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde e uma eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

COMPARTILHE
Artigo anteriorHacked By Suliman-Hacker
Próximo artigoEncontrAR participa da "IEEPO 2013"
Sou Blogueira, motivada pelo diagnóstico da Artrite Reumatoide aos 26 anos, como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser minha companheira. Troquei o cuidar assistencial pelo cuidar informacional e escrevi o Blog Artrite Reumatoide, para compartilhar a minha dor, aprendi então, que Dor Compartilhada é Dor Diminuída. Hoje sou “Patient Advocacy”, social media, graduanda do curso de jornalismo na FiamFaam, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde e uma eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta